terça-feira, 28 janeiro 2020
  • Início

População da Marinha Grande concentrou-se junto ao edifício da Resinagem

3 2

1

População da Marinha Grande concentrou-se junto ao edifício da Resinagem, onde estiveram o 1º Ministro, António Costa e o Ministro da Agricultura, Capoulas Santos, a apresentar a Estratégia de recuperação para o Pinhal do Rei, para exigirem a melhoria das condições de saúde no concelho. Também tinham uma faixa a exigir o reforço dos meios para o Pinhal de Leiria. Mais tarde,às 18h00, a população voltou a concentrar-se nas instalações do Centro de Saúde para ouvir os membros da Comissão para a defesa do SNS na Marinha Grande prestarem contas da conversa que tiveram com o 1º Ministro, António Costa. No final ficou o compromisso por parte dos membros da Comissão e saudado pelos presentes: a Luta pela melhoria das condições de saúde no concelho da Marinha Grande é para continuar!

Imprimir Email

VII Assembleia de Organização Concelhia de Leiria

IMG 6329 IMG 6341

IMG 6281

Realizou-se no passado dia 13 de Janeiro a VII Assembleia de Organização Concelhia de Leiria

No centro de trabalho do PCP em Leiria, com a participação de mais de trinta militantes. Na Assembleia os comunistas do concelho de Leiria analisaram a situação politica e social no concelho e no país, avaliaram o trabalho realizado pela organização e apontaram os caminhos para o seu reforço.

Foi ainda eleita uma nova Comissão Concelhia e aprovada uma Resolução Política, ambos por unanimidade, onde se podia ler que “as exigências que se nos apresentam são grandes, mas maior é a nossa determinação (…)

continuamos determinados em fortalecer as organizações e movimentos unitários de massas, em dinamizar a luta dos trabalhadores e das populações, condição fundamental para a construção de uma alternativa política patriótica e de esquerda e para avançar na luta por uma Democracia avançada, com os valores de Abril no futuro de Portugal, etapa e elemento da luta pelo objectivo supremo do Partido, o Socialismo e o Comunismo”.

Imprimir Email

A DORLEI do PCP saúda a participação dos trabalhadores do distrito na grande manifestação.

SAM0752 SAM0759 SAM0756 SAM0762

SAM0778 SAM0766

 

A DORLEI do PCP saúda a participação dos trabalhadores do distrito na grande manifestação convocada pela CGTP/IN, que se realizou em Lisboa no passado sábado dia 18 de Novembro. 
 
Saúda os trabalhadores da B.A Vidro, da Santos Barosa, da Normax, da Somema, das autarquias, da ESIP, da Sumol + Compal, do sector da saúde, os professores, da hotelaria, os pescadores, os reformados, os pensionistas e a juventude entre muitas outras empresas e locais de trabalho que, com a sua força contribuíram para o êxito da manifestação.
 
Os trabalhadores e as populações com a sua participação afirmaram que, nesta fase da vida política nacional continuam a ser muitas as razões para lutar. É preciso levar mais longe a política de reposição de rendimentos e direitos, é urgente o aumento geral dos salários, com o aumento para 600 euros do Salário mínimo nacional já para Janeiro de 2018, é necessário revogar as normas gravosas do Código do Trabalho, nomeadamente no que respeita à reposição do tratamento mais favorável ao trabalhador e a reposição da não caducidade dos Contratos Colectivos de Trabalho, a concretização das medidas de combate à precariedade laboral, na administração pública e no sector privado.
 
Para além destes aspectos concretos, foi afirmada a exigência de respostas estruturais para os problemas nacionais mais persistentes e profundos que urge resolver, nomeadamente o aumento da produção nacional, a renegociação da dívida pública,  o controle público da banca, a defesa dos serviços públicos da saúde, educação e dos transportes etc. É preciso que o PS se liberte das amarras que o prendem, nomeadamente no que se refere à defesa dos interesses do grande capital nacional e da UE.
 
O PCP, que não se cansa de sublinhar a importância decisiva da luta dos trabalhadores para conseguir respostas concretas para as suas reivindicações, reafirma que a luta é igualmente insubstituível para assegurar um novo rumo para o país.
 

Imprimir Email

Mais artigos...