Comissões Concelhias

JANTAR/COMÍCIO NA MARINHA GRANDE

INTERVENÇÃO DE JOSÉ LUÍS DE SOUSA EM NOME DA DORLEI

 

Realizamos este nosso jantar num período de muita intensidade e exigência para a intervenção do nosso Partido. 

Nestes momentos de grande intensidade e exigência do nosso trabalho é importante contar com a participação e esforço de todos e por isso aqui fica o apelo para que cada um se empenhe ainda mais nas tarefas que temos definidas. 

Mas ao apelar ao esforço de todos, queremos também reconhecer e valorizar esse esforço. Por isso, e porque foi há poucas semanas que realizamos a nossa Festa do Avante, quero em nome da DORLEI expressar o reconhecimento e saudar o notável esforço dos militantes comunistas e de muitos outros amigos nossos que com muito trabalho, e muitos fins de semana, ajudaram a construir e garantiram o êxito daquela que foi uma extraordinária edição da Festa do Avante!

É essa força, essa dedicação, essa entrega militante que agora continuamos a necessitar para levar por diante a preparação do nosso Congresso e uma forte intervenção política em defesa dos interesses dos trabalhadores e das populações.

Continuar...

PS BLOQUEIA O FUNCIONAMENTO DA CÂMARA

Comunicado à população

A Comissão Concelhia da Marinha Grande do Partido Comunista Português (PCP) tem acompanhado com particular preocupação a situação no seio da Câmara Municipal da Marinha Grande (CMMG).

A gestão da CMMG levada a cabo pelo Partido Socialista (PS) fica marcada pela instabilidade e pela incapacidade de dar resposta aos problemas e anseios dos munícipes. A proposta de revisão do orçamento camarário levada à reunião de Câmara na passada sexta-feira é, para nós, reveladora da actual situação na Autarquia e fornece elementos suficientes para traçar um retrato fiel daqueles que a dirigem:

 

1. O chumbo da revisão ao orçamento colocou novamente em evidência a inabilidade do PS em construir os diálogos necessários junto das diferentes forças políticas para garantir o normal funcionamento da autarquia;

2. O pedido de sugestões aos vereadores da oposição que não passou de uma mera formalidade, a indisponibilidade para abordar de forma séria cada um dos pontos daquela proposta, são reveladores da discussão de fachada orquestrada pelo PS em torno do documento reprovado na passada sexta-feira;

Continuar...

A POLUIÇÃO DA LAGOA DE ÓBIDOS

Segundo notícias recentemente vindas a público, o Governo, através de ofício enviado à Comissão Cívica de Protecção das Linhas de Água e Ambiente de Caldas da Rainha pelo gabinete do Secretário de Estado do Ambiente, admite a existência de descargas poluentes para a Lagoa de Óbidos.

O PCP relembra que este assunto foi por si levantado durante a campanha eleitoral Autárquica de 2013, chegando mesmo a ser por isso, mais uma vez, acusado de alarmismo e maledicência. Tal como agora se comprova havia, infelizmente, motivo para as preocupações expressas. De facto o problema não reside apenas nos níveis de assoreamento o qual, após trabalhos de remoção de areias que importaram em 4 milhões de Euros, se mantem bastante elevado, mas também na contaminação, inclusive com metais pesados, já detectada nas águas da Lagoa. A Agência Portuguesa do Ambiente, com intuitos mistificatórios, pretende que a toxicidade dos dragados não ultrapassará o patamar 2 de uma escala cujo topo é 5, quando tudo parece indicar ser ela muito mais elevada. Há largas zonas com débil oxigenação das águas pondo, de imediato, em risco a faina dos mariscadores e prejudicando em larga escala os fluxos turísticos, com os inevitáveis prejuízos económicos decorrentes.

Continuar...

PROBLEMAS E ASPIRAÇÕES

Um refrão duma cantiga de Sérgio Godinho avisava-nos de que só se teria liberdade a sério quando houvesse a Paz, o Pão, Habitação, Saúde, Educação. Assim em maiúsculas, para ser usufruído por todos. Estes tópicos, juntamente com a Justiça e a Cultura, são imprescindíveis à Democracia.Quando se debatem as perspectivas de desenvolvimento futuro de Caldas da Rainha, há também um conjunto de temas incontornáveis, desde há décadas abordados nos programas eleitorais de todas as forças políticas: são as questões centrais da Educação, da Saúde (na dupla vertente dos problemas que se prendem, por um lado, com o Centro Hospitalar e, por outro, com o Hospital Termal e o termalismo), da Lagoa de Óbidos e da Linha do Oeste.

Assembleia de Freguesia da Marinha Grande exige a restituição, pela Câmara, do valor correspondente a 75% dos encargos financeiros, conrespondentes ao período de 2013/2015 com Orquestra Juvenil da Marinha Grande.

 

Assembleia de Freguesia da Marinha Grande aprovou na sua última reunião uma moção, apresentada pela CDU, a exigir à Câmara Municipal que entregue à Junta de Freguesia a verba em devida relativamente aos custos de funcionamento da Orquestra Juvenil da Marinha Grande. Recorde-se que desde 2013 a Câmara Municipal não comparticipa com a sua parte (75%), tendo até à data a Junta de Freguesia arcado com o total das despesas.

Veja o texto integral da moção: 

Continuar...

2019 Organização Regional de Leiria do PCP | www.pcp.pt | Joomla Templates Free.