Comissões Concelhias

Comissão Concelhia de Peniche do PCP contra encerramento de balcão da CGD

Imprimir
Criado em domingo, 09 abril 2017, 22:27

noticia 00118314-580x326

A Comissão Concelhia de Peniche do PCP apela à luta contra o encerramento do balcão da Caixa Geral de Depósitos em Atouguia da Baleia

A Comissão Concelhia de Peniche do PCP repudia, veementemente, a decisão do Conselho de Administração da Caixa Geral de Depósitos (CGD) de encerrar a agência de Atouguia da Baleia.

O PCP apela à população da Atouguia da Baleia que se mobilize contra o encerramento deste balcão da CGD, afirma que com a necessária mobilização popular é possível impedir o encerramento e valoriza a posição da Câmara Municipal de Peniche que já expressou a sua indignação perante esta situação e manifestou a sua intenção de encerrar todas as contas que a autarquia possui na CGD caso a CGD avance com o encerramento.

A resistência ao encerramento desta agência da CGD é parte integrante da acção em prol do desenvolvimento coerente e harmonioso do concelho, distrito e território nacional, uma vez que, o fecho dos serviços da Caixa em Atouguia da Baleia surtirá um efeito nefasto nos direitos dos seus trabalhadores, nas populações e, consequentemente, na economia local.

Contrariamente ao que a Administração da CGD afirma, o encerramento de balcões não resolve nenhum dos problemas da banca pública, pelo contrário contribuirá para a diminuição de clientes, abrindo portas a uma ainda maior concentração na banca privada, onde proliferam os capitais estrangeiros.

A demolidora acção contra a Caixa Geral de Depósitos por parte do governo PSD/CDS aliada à voragem do capital financeiro internacional e imposições da União Europeia encontra no governo PS a fraqueza e lassidão na defesa dos interesses nacionais.

Para o PCP, a Caixa Geral de Depósitos é uma empresa financeira estratégica ao serviço do povo e ao desenvolvimento do país. Como o PCP sempre defendeu, é essencial e premente a recapitalização da CGD, mas para reforçar o seu papel de banco público ao serviço das populações, das pequenas e médias empresas e da economia nacional. Não pode servir como subterfúgio para as reformas que estão a ser levadas a cabo, que impõem ao banco público um modelo de negócio típico da banca privada e cujas consequências já se começam a fazer sentir com o encerramento de balcões e seus efeitos negativos para a população, tais como: o despedimento de trabalhadores, o enfraquecimento do banco público e a promoção de interesses rapinantes e especuladores do grande capital económico privado.

A Comissão Concelhia de Peniche do PCP expressa a sua solidariedade aos munícipes, aos trabalhadores e aos agentes económicos e sociais locais, cujos direitos e interesses estão, desta forma, a ser postos em causa. Apela às populações para lutar pela conservação deste balcão na freguesia de Atouguia da Baleia e afirma a disponibilidade do PCP para reunir com todos aqueles que quiserem manter essa dependência em actividade e agregar intenções, descobrir as plataformas e os trilhos para que esta freguesia mantenha este balcão.

Peniche, 8 de Abril de 2017
A Comissão Concelhia de Peniche do PCP

2017 Organização Regional de Leiria do PCP | www.pcp.pt | Joomla Templates Free.